Projeto Estadual Guardiã Maria da Penha: 180

Uma Iniciativa Integrada para Reforçar a Segurança de Mulheres em Situação de Risco em São Paulo.

Artigo
Publicado por Bianca Ludymila em 14/09/2023
Projeto Estadual Guardiã Maria da Penha: 180

O Ministério Público de São Paulo, em colaboração com diversas secretarias municipais, lançou o Projeto Guardiã Maria da Penha, uma iniciativa que visa aprimorar a fiscalização e cumprimento das medidas protetivas concedidas a mulheres vítimas de violência doméstica. A responsabilidade técnica é compartilhada pelo Grupo de Atuação Especial de Enfrentamento à Violência Doméstica (GEVID) e o Núcleo de Gênero do MPSP. Disque 180.

Justificativa e Inspiração

O projeto surge como uma resposta à dificuldade de fiscalização das medidas protetivas da Lei Maria da Penha. Conforme apontam as estatísticas, muitas mulheres continuam sendo vítimas mesmo após a concessão dessas medidas. A inspiração para a ação veio do sucesso do Projeto “Patrulha Maria da Penha” no Estado do Rio Grande do Sul, onde a Brigada Militar realiza visitas residenciais rotineiras para garantir o cumprimento das medidas.

Veja também – Projeto Guardiã Maria da Penha: Um Ano de Luta às Mulheres em Caieiras – Os Números Revelam

Funcionamento e Parcerias

O funcionamento do projeto é possível graças a uma parceria entre o GEVID e a Secretaria Municipal de Segurança Urbana, especificamente por meio da Guarda Civil Metropolitana (GCM). Os guardas receberam treinamento específico sobre violência de gênero e já realizam visitas domiciliares para verificar o cumprimento das medidas protetivas. Em Caieiras é um termo de cooperação entre a PMSP e a Prefeitura.

Objetivos e Público-Alvo

O projeto tem como principal objetivo fiscalizar a observância das medidas protetivas, coletar novas provas para revisão de decisões judiciais e encaminhar as vítimas para serviços especializados. O público-alvo são mulheres que tem ou já tiveram medidas protetivas deferidas ou indeferidas.

Metodologia e Avaliação

Os guardas municipais que participaram do projeto foram escolhidos com base em critérios específicos e receberam treinamento em questões de gênero e violência doméstica.

Um oficial de promotoria ficou encarregado de encaminhar as decisões judiciais relativas às medidas protetivas à equipe de execução, que planeja as visitas domiciliares de acordo com a gravidade da situação. Caso sejam identificadas situações de descumprimento, serão tomadas as medidas legais apropriadas. A eficácia do projeto tem sido avaliada periodicamente.

Com essa iniciativa, o Ministério Público, agentes e seus parceiros esperam tornar mais efetivo o sistema de proteção às mulheres, aliviando-as do ônus de fiscalizar o cumprimento de decisões judiciais e transferindo essa responsabilidade para o Estado.

Leia mais em Artigo

Precisamos falar sobre ebulição global e racismo ambiental
Artigo
O racismo ambiental afeta principalmente as populações vulneráveis, exacerbando desigualdades sociais e climáticas. Para um futuro mais justo e saudável, é essencial agir...
Vitória Ambiental ou Batalha Adiada?
Opinião
A mobilização popular em Caieiras impediu a instalação de uma mineradora na Fazenda Santa Luzia. A CETESB emitiu parecer desfavorável ao projeto, após pressão da sociedade...
Dignidade e Inclusão: Dra. Carla Baker participa de reunião no CIC de Cajamar com Néia Pontani
Cajamar
Dra. Carla Baker, líder LGBTQI+ do CIMBAJU, esteve em uma reunião no CIC de Cajamar para discutir parcerias com a ONG Associação Pluralis. A reunião, conduzida com Néia...
Tragédia revela os riscos de propagandas e de procedimentos estéticos sem qualificações
Artigo
Uma influenciadora foi acusada de homicídio após a morte de um paciente durante um peeling de Fenol. A tragédia destaca os perigos das redes sociais, como o Instagram, na...
Arautos do Evangelho: Deus escreve certo por linhas tortas
Artigo
Um pescador sobrevive a um naufrágio e agradece a Deus por sua vida. Ele chega a uma ilha deserta e constrói um abrigo com destroços. Sempre grato, ele enfrenta dificuldades...
Hospital Fabiano de Cristo: Instrumentos Para a Vida
Artigo
Por Hospital Fabiano de Cristo: Psicóloga Ligia Guilhermina da Silva – CRP 06/125146 – Responsável Técnica. Atendimento gratuito de retaguarda para pessoas com câncer. Os...

Últimas novidades

Novo medicamento para emagrecer: Wegovy já está disponível nas farmácias brasileiras
Saúde e Bem-Estar
O Wegovy, medicamento para obesidade da farmacêutica dinamarquesa Novo Nordisk, já está sendo comercializado em farmácias brasileiras. A injeção semanal é composta por...
Venezuela: ‘Tome um chá de camomila’, diz Maduro após Lula manifestar preocupação
Política
O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, causou preocupação ao falar sobre um "banho de sangue" caso não vença as eleições. Lula, presidente do Brasil, respondeu...
‘Mais de uma vez, até’: Donald Trump diz que está pronto para debater com Kamala Harris
Internacional
Donald Trump e Kamala Harris estão prontos para debater nas eleições presidenciais de 2024. Trump está disposto a participar de mais de um debate com Kamala, que está perto...
Frei Gilson no Podcast Inteligência Ltda: Fé e Música em Debate
Cotidiano
Frei Gilson, sacerdote carmelita e cantor, participou do podcast Inteligência Ltda. Com quase 5 milhões de inscritos no YouTube, ele é um dos principais líderes religiosos do...
Correios Abrem Concurso com Vagas Atraentes e Bons Salários
Brasil
Correios lançam edital para concurso com 33 vagas na área de medicina e segurança do trabalho. Salários iniciais de até R$ 6,8 mil. Inscrições de 7 de agosto a 8 de...
Taxa das blusinhas começam a valer dia 1º de agosto
Tecnologia
A partir de 1º de agosto, compras internacionais de até US$ 50 serão tributadas com um imposto de 20%. AliExpress e Shopee anteciparam a cobrança para 27 de julho. Entenda...

Jornal Fala Regional

Nosso objetivo é levar conteúdo de forma clara, sem amarras e de forma independente a todos. Atendemos pelo jornal impresso as cidades de Caieiras, Franco da Rocha, Francisco Morato, Mairiporã e Cajamar, toda sexta-feira nas bancas. Pela internet o acesso é gratuito e disponível a todos a qualquer momento, do mundo inteiro.

Vamos Bater um Papo?